27 de outubro de 2007

Kurt Schwitters






Exposição na Pinacoteca sobre Kurt Schwitters (1887/1948), o artista Merz .

Merz na concepção do artista representa uma multiplicidade de sentidos que correspondem profundamente ao conceito aberto de arte, no seu equilíbrio de fragmentos e colagens onde os objetos metamorfoseiam-se em composições.

Há no site: Germinal Literatura , um excelente trabalho sobre o artista.

"... dos detritos e destroços de um mundo destruído depois da primeira guerra mundial, ele desejou construir uma nova ordem. Fato que o desingue claramente os dadaístas, ao se alinhar para denunciar a cultura imperial, para protestar contra o absurdo da guerra e negar toda a ordem burguesa.

3 comentários:

Anônimo disse...

Muito boa a nova música....
Adorei!
Quem é?
Beijocas, até amanhã...
Vera

Contra-pontos disse...

Olá Vera,


você gostou!

bjs.


Ju

un dress disse...

sempre os destroços e

sempre

renascer.

na arte

na vida


...




beijO :)